COMPONENTE CURRICULAR

Componente Curricular
EDCA11 - DIDÁTICA E PRAXIS PEDAGÓGICA I
Carga Horária - Total: 68 horas  
TeóricaPráticaEstágioDepartamentoSemestre Vigente
0680Educação II2015.1
Ementa
Análise da práxis pedagógica como prática social específica à luz da contribuição das ciências da educação. Estudo dos fundamentos epistemológicos da Didática na formação do professor e da construção da identidade docente. Relações fundamentais no processo de trabalho docente. Organização da prática pedagógica. Elementos do processo do planejamento.
Programa
Objetivo
Não há Objetivo cadastrado
Conteúdo
UNIDADE I - Construção da identidade docente. A função docente. Por que ensinar? O que é ensinar e aprender: analise dos limites e alcances na relação entre o ensino e a aprendizagem. A Didática, seu objeto de estudo e trajetória histórica. Estudos das teorias pedagógicas. Revisão de teorias de aprendizagem: construtivismo, socioconstrutivismo e teoria das inteligências múltiplas. Reflexões sobre o papel do professor pesquisador na sociedade do conhecimento. UNIDADE II - Desafios contemporâneos da Didática, compreensão e organização do trabalho docente. Desafios contemporâneos da Didática. Didática e cibercultura. Pluri, Interdisciplinaridade e Pluridisciplinaridade. Pluriculturalismo e pedagogia diferenciada; o local e o global na educação. Competências didáticas para o ensino. Saber, saber, ser, saber fazer, saber sensível. Estudo sobre teorias de Currículo. Os Parâmetros Curriculares Nacionais e o ensino das disciplinas específicas no nível fundamental (5ª a 8ª séries) e médio. Reflexões sobre os paradigmas do planejamento didático: visão formalista, tradicional tecnicista e visão crítica.
Bibliografia
ALVES, Rubem. Estórias de quem gosta de ensinar. São Paulo: Cortz, 1996. /////// ________. O que é ensinar.São Paulo: EPU,1996. /////// BECKER, Fernando. Epistemologia do professor.10ª ed.Petrópolis, Vozes, 2002. /////// CANDAU,Vera Maria. (org.) et al. Didática, currículo e saberes escolares. Rio de Janeiro: Dp&A, 2002. /////// CARRETERO, Mário. Construtivismo e educação. Porto Alegre: Ed. Artes Médicas, 1997. /////// CASTRO, A e CARVALHO, Anna. Ensinar a Ensinar. São Paulo: Pioneira Thomson, 2002. /////// COLL, César et all. O construtivismo na sala de aula. São Paulo: Ed. Ática, 1998. /////// COMENIUS. Didática Magna. São Paulo: Martins Fontes, 1997. /////// D'ÁVILA, C.M. Interdisciplinaridade e mediação pedagógica. In: Revista da FEBA, ano 3, vol. 1, nºIII. (jan/dez,2002) Salvador, Bahia, 2002. /////// D'ÁVILA, C.M. Pedagogia cooperativa e educação à distância: uma aliança possível. In: Revista da FAEBA, nº 20, Salvador, Bahia, 2004. /////// ELIAS, M.C. Célestin Freinet. Uma pedagogia de atividade e cooperação. 3ª ed. Petrópolis, Vozes, 1999. ///// FAZENDA, Ivani Arantes. Interdisciplinaridade: história, teoria e pesquisa. São Paulo:Papirus, 1995. 2ª ed. /// FREIRE, Paulo. Pedagogia da Autonomia. São Paulo: Ed. Paz e Terra, 2000. /////// FREIRE, Paulo. Educação como prática da liberdade. Rio de Janeiro: Paz e Terra, 1969. /////// GARDNER, Howard. Estruturas da mente. A teoria das inteligências múltiplas. Porto Alegre: Artmed, 1994. /////// HOFFMANN, J. Avaliação mediadora: uma prática em construção da pré-escola à universidade. 4ª ed. Porto Alegre: Educação e realidade,1994. /// LA TAILLE, Yves de et al. Piaget, VygotskY, Wallon: teorias psicogenéticas em discussão. São Paulo: SUMMUS, 10ª ed., 1992. /////// LIBÂNEO, José Carlos. Democratização da escola pública. São Paulo: Loyola, 1986. ///// LUCK, Heloisa. Pedagogia interdisciplinar. Fundamentos teórico-metodológicos. 7ª ed. São Paulo: Vozes, 1994. MIZUKAMI, Maria da Graça Nicoletti. Ensino: as abordagens do processo. São Paulo: EPU, 1986. /////// MORAIS, Regis de. Sala de aula: que espaço é esse? São Paulo: Papirus, 1996. /////// NÓVOA, Antonio. Formação de professores e trabalho pedagógico. Lisboa: Educa, 2002. /////// PERRENOUD,Philippe. Dez novas competências para ensinar. Porto Alegre: Artmed, 2000. /////// PERRENOUD, Phillipe. Pedagogia diferenciada. Porto Alegre: Artmed, 2000. ///// PIMENTA, S.G. (coord.) et al. Pedagogia, ciência da educação? São Paulo: Cortez Editora, 1998. //////// PIMENTA, S.G. e GHEDIN (coord.). Professor reflexivo no Brasil. São Paulo: Cortez, 2002. /////// PRETTO, Nelson de Luca. Uma escola sem/com futuro. Campinas, SP: Papirus, 1996. /////// REGO, T.C.; Vygotsky. Uma perspectiva histórico-cultural da educação. Petrópolis: Vozes, 1995. /////// SAVIANI, Dermeval. A pedagogia histórico crítica. São Paulo: Cortez, 1990. /////// SNYDERS George. Alunos felizes. 2ª ed. São Paulo: Paz e Terra, 1996. /////// VYGOTSKY, L. S. Pensamento e Linguagem. São Paulo: Ed. Martins Fontes, 1987. /////// VEIGA, Ilma Passos (org.). Didática: o ensino e suas relações. São Paulo: Papirus, 1996. /////// VEIGA, Ilma Passos. (org.) Formação de professores. Políticas e debates. São Paulo: Papirus, 2002.


Lista de Turmas
Náo há oferta de turmas para o semestre.